Última hora

Última hora

Turquia: 35 adeptos do Beşiktaş julgados por tentativa de golpe de Estado

A justiça turca começou, esta terça-feira, o julgamento de 35 adeptos do clube de futebol Beşiktaş, acusados de tentativa de golpe de Estado.

Em leitura:

Turquia: 35 adeptos do Beşiktaş julgados por tentativa de golpe de Estado

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça turca começou, esta terça-feira, o julgamento de 35 adeptos do clube de futebol Beşiktaş, acusados de tentativa de golpe de Estado.

O ministério público pede prisão perpétua para os 35 arguidos, a quem acusa de terem liderado os protestos contra o Parque Gezi, que se tornaram na maior vaga de sempre de contestação ao governo de Recep Tayyip Erdogan.

Com outros grupos da sociedade civil, a claque participou nas manifestações contra a construção de um empreendimento imobiliário no Parque Gezi, perto da emblemática praça Taksim, em Istambul. Manifestações que subiram de tom durante o verão de 2013. Mas considerá-las como “tentativa de golpe de Estado” é uma “paródia ridícula” e algo “alarmante”, para a ONG Human Rights Watch, que apelou à anulação imediata do processo.

Um adepto afirma: “Hoje acusam a claque Çarşı de tentativa de golpe de Estado, o que não tem qualquer fundamento. A Çarşı é apenas a consciência do nosso povo. Estamos aqui para apoiar os nossos amigos.”

Para o correspondente da euronews na Turquia, Bora Bayraktar, “qualquer que seja a decisão do tribunal, uma coisa é certa: a Çarşı, que tem muito orgulho de ser a primeira em muitas coisas, é primeira claque de futebol acusada de tentativa de golpe de Estado.”