Última hora

Última hora

Boubacar Barry promovido a herói nacional na Costa do Marfim

Vinte e três anos depois a Costa do Marfim voltou a sagrar-se campeã africana de futebol. Tal como em 1992, os elefantes levaram de vencida o Gana

Em leitura:

Boubacar Barry promovido a herói nacional na Costa do Marfim

Tamanho do texto Aa Aa

Vinte e três anos depois a Costa do Marfim voltou a sagrar-se campeã africana de futebol. Tal como em 1992, os elefantes levaram de vencida o Gana depois de uma verdadeira maratona de penáltis, a única forma de encontrar um vencedor depois de 120 minutos sem golos.

Foram necessários 22 pontapés da marca de grande penalidade e Boubacar Barry foi o grande herói da Costa do Marfim. Defendeu o remate do guarda-redes ganês e apontou ele próprio o penalti decisivo.

A geração de ouro do futebol marfinense conquistou finalmente o título porque tanto ansiava e que já por duas vezes lhe tinha escapado da marca dos onze metros.