Última hora

Última hora

Os novos faraós do Egito

Um sonho faraónico em vias de tomar forma no Egito através da construção de uma nova capital administrativa e económica a leste do Cairo. Um projeto

Em leitura:

Os novos faraós do Egito

Tamanho do texto Aa Aa

Um sonho faraónico em vias de tomar forma no Egito através da construção de uma nova capital administrativa e económica a leste do Cairo. Um projeto de metrópole com capacidade para 5 milhões de pessoas e energeticamente auto suficiente, segundo o anuncio do ministro da Habitação do Egito, Mustafa Kamel Madbuli.

“A independência energética será através das energias renováveis. Serão construídos 90 quilómetros quadrados de energia solar e de geração de energia solar para esta cidade. Estamos a falar de uma cidade global. A nossa visão é trazer o máximo de qualidade”.

A proposta foi apresentada a potenciais investidores durante uma conferência de três dias, iniciada sexta-feira em Sharm el-Sheikh, nas margens do Mar Vermelho.

De acordo com as autoridades egípcias, os atuais 18 milhões de habitantes do Cairo passarão para 40 milhões, até 2050 e daí a necessidade deste projeto.

Áreas verdes, um melhor padrão de vida e cinco milhões de habitantes distribuídos por 25 regiões administrativas, um aeroporto internacional, um parque temático quatro vezes maior que a Disneylândia na Califórnia, uma ligação ferroviária com o Cairo tudo isto pela módica soma de 45 mil milhões de dolares.