Última hora

Última hora

Legislativas na Finlândia com crise económica no horizonte

Em leitura:

Legislativas na Finlândia com crise económica no horizonte

Legislativas na Finlândia com crise económica no horizonte
Tamanho do texto Aa Aa

Os finlandeses vão saber este domingo se os resultados das legislativas dão razão às sondagens, que apontam o centrista Juha Sipilä como próximo primeiro-ministro.

As eleições decorrem com uma séria recessão económica em pano de fundo e a consciência de que são necessárias políticas que travem o desemprego.

As sondagens dão aos liberais do Partido do Centro de Juha Sipilä 24% das intenções de voto, com sete pontos percentuais acima do Partido de Coligação Nacional do Primeiro-Ministro Alexander Stubb.

Como o partido vencedor terá de procurar pelo menos dois parceiros de coligação, o Partido dos Finlandeses de Timo Soini aparece como potencial parceiro dos centristas de Juha Sipilä.

Em Tampere, a cidade onde foi criada a marca Nokia em 2013, os escritórios vazios falam da crise económica, numa região onde o desemprego atinge os 16%.

Todo os partidos estão de acordo quanto à gravidade da situação do país, que alguns analistas comparam já à da Grécia.

As posições mais conciliatórias avançadas ultimamente por Timo Soini, podem significar que o seu partido de direita escolheu ums linguagem de moderação para garantir lugar numa eventual coligação com a formação de Juha Sipilä.