Última hora

Última hora

Autor dos atentados de Boston diz-se arrependido

Condenado à morte, o autor dos atentados de Boston, Dzhokhar Tsarnaev, pediu pedão aos familiares das suas vítimas, falando pela primeira vez sobre o

Em leitura:

Autor dos atentados de Boston diz-se arrependido

Tamanho do texto Aa Aa

Condenado à morte, o autor dos atentados de Boston, Dzhokhar Tsarnaev, pediu pedão aos familiares das suas vítimas, falando pela primeira vez sobre o ataque de 2013.

“Para mim ouvi-lo dizer que está arrependido é bom. Isso é suficiente e dá-me esperança, porque eu ainda tenho fé na humanidade, incluindo nele, espero que as suas palavras sejam verdadeiras. Espero que ele seja sincero”.

Este sobrevivente conta: “Lamento nunca o ter ouvido falar. O que ele disse não foram palavras de arrependimento, nenhum remorso e não mostrou empatia por aqueles a quem destruiu as vidas”.

Dzhokhar Tsarnaev foi condenado à morte por injeção letal no dia 15 de maio, por ser considerado culpado pelo assassinato de três pessoas, por ferir outras 264, matar um policial a tiros quatro dias depois e por posse e uso de arma de destruição em massa.
A pena de morte só pôde ser aplicada porque a decisão foi unânime entre as sete mulheres e cinco homens que integraram o júri.