Última hora

Última hora

Referendo sobre propostas dos credores deixa gregos preocupados

O anúncio de que o governo de Atenas vai referendar o acordo com os credores foi recebido por muitos gregos com satisfação…mas também com muitas

Em leitura:

Referendo sobre propostas dos credores deixa gregos preocupados

Tamanho do texto Aa Aa

O anúncio de que o governo de Atenas vai referendar o acordo com os credores foi recebido por muitos gregos com satisfação…mas também com muitas incertezas.
Houve mesmo quem corresse para as caixas multibanco para levantar dinheiro…com medo do que pode vir a acontecer. Mas há também quem fale num verdadeiro ato democrático, com o povo a ditar os destinos do país.
Uma cidadão grega ouvida pela euronews mostrou-se confiante e disse mesmo que “não acredito que algo trágico possa acontecer porque vamos fazer um referendo. Pelo menos o primeiro-ministro pediu a opinião ao povo. Não devemos ficar aborrecidos.”

Pelo contrário, um outro grego entrevistado nas ruas de Atenas disse que “há alguns anos este tipo de coisa era inconcebível mas agora já parece o caminho certo. Por isso é natural que as pessoas tenham medo, tenham receios sobre o que pode acontecer.”

Um outro jovem grego pede bom sendo tanto da parte do governo de Tsipras como dos credores: “se tivessemos o poder nas nossas mãos, como uma nação, para resistir, eu diria que sim, devemos manter-nos contra os credores. Mas não temos esse poder, além disso, acredito que não vamos sair da Europa, vamos continuar. Tem de haver uma verdadeira negociação, uma conversa real para nos mantermos na Zona Euro e na União Europeia”.

O correspondente da euronews em Atenas Akis Tatsis lembra que logo após o anúncio do referendo vários membros do governo grego garantiram que não há perigo para os bancos. Mas muitos gregos ficaram muito preocupados.