Última hora

Última hora

Germanwings: familiares de vítimas querem indemnizações mais elevadas

Familiares de uma parte das vítimas alemãs da queda do avião da Germanwings nos Alpes franceses recusaram a indemnização de 25.000 euros proposta

Em leitura:

Germanwings: familiares de vítimas querem indemnizações mais elevadas

Tamanho do texto Aa Aa

Familiares de uma parte das vítimas alemãs da queda do avião da Germanwings nos Alpes franceses recusaram a indemnização de 25.000 euros proposta pela germânica Lufthansa, a casa-mãe da companhia aérea de baixo custo.

Um dos advogados das famílias, Elmar Giemulla, precisou que o montante é “inadequado” e que pretende obter pelo menos 200.000 euros por cada vítima.

Outro dos advogados, Christof Wellens, indicou numa entrevista que “ações unilaterais da Lufthansa e da Germanwings não vão obter nada, neste caso. Só é possível [encontrar uma solução] cooperando com os familiares. E existem também padrões internacionais, relativamente a acidentes aéreos noutros países (…), que permitem comparar e sentir a injustiça do tratamento que está a ser dado”.

A queda do avião da Germanwings, em março, fez 150 mortos, entre os quais 72 alemães e 50 espanhóis. Segundo os investigadores, o copiloto Andreas Lubitz, que tinha sofrido no passado de problemas psicológicos graves, despenhou intencionalmente o aparelho.