Última hora

Última hora

Turquia: Eleições antecipadas devem ser marcadas nas próximas horas

Sem um acordo de coligação que permita formar um novo governo, o primeiro-ministro turco Davutoglu informou o Presidente Recep Erdogan que nas

Em leitura:

Turquia: Eleições antecipadas devem ser marcadas nas próximas horas

Tamanho do texto Aa Aa

Sem um acordo de coligação que permita formar um novo governo, o primeiro-ministro turco Davutoglu informou o Presidente Recep Erdogan que nas próximas horas deverão ser marcadas eleições antecipadas.

Se até à próxima segunda-feira não for conseguido um acordo de coligação, o chefe de estado turco terá de indicar uma data para um novo escrutínio.

Nas ruas de Istambul, os turcos mostram-se preocupados com esta crise política, mas não acreditam que o resultado das novas eleições seja muito diferente. Recorde-se que O AKP perdeu a maioria parlamentar nas legislativas de Junho o que acabou por culminar num impasse político-partidário.

Além disso, a população também teme as consequências económicas para o país: os preços estão a subir, tudo está a ficar mais caro mas no final as pessoas são as mesmas, a mentalidade não muda.

O correspondente da euronews em Istambul, Bora Bayraktar, lembra que “há quem responsabilize os partidos políticos, há quem responsabilize o presidente por esta situação. O povo está preocupado porque não existe um verdadeiro governo há dois meses e meio e a instabilidade já provocou a desvalorização da lira turca para mínimos históricos”.