Última hora

Última hora

Canal Saint-Martin: Entre o lixo e o lodo, há quem procure tesouros

Motos, bicicletas, carrinhos de supermercado e de bebé, armas, sanitas e toneladas de garrafas: Tudo isto faz parte da lista de objetos encontrados no fundo do Canal Saint-Martin, em Paris.

Em leitura:

Canal Saint-Martin: Entre o lixo e o lodo, há quem procure tesouros

Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de motos, bicicletas, carrinhos de supermercado e de bebé, armas brancas, armas de fogo, objetos insólitos como sanitas e toneladas de garrafas: Tudo isto faz parte da lista de objetos encontrados no fundo do Canal Saint-Martin, em Paris, que foi esvaziado e está a ser limpo pela primeira vez em 15 anos.

Point of view

As bicicletas e scooters podem ter caído por acidente, mas as garrafas foram atiradas de propósito.

Alguns parisienses estão enojados com a atitude dos conterrâneos: “As bicicletas e scooters podem ter caído por acidente, mas as garrafas foram atiradas de propósito. Acho isso chocante”, diz uma mulher.

Se várias zonas do Canal estão abertas apenas a quem trabalha nas operações, outras estão acessíveis ao público. Há quem ande à procura de tesouros. As crianças são quem mais sonha: “Esperamos encontrar moedas, lingotes de ouro e rubis”, diz um menino que observa os familiares a procurar objetos no lodo.

Para já, não há notícia de lingotes nem de pedras preciosas. Houve, sim, várias armas encontradas e entregues à polícia.

Antes de esvaziar, foi preciso salvar os peixes do canal. Milhares de espécimes foram retirados e postos a salvo.