Última hora

Última hora

Chanel desilude cubanos

Em leitura:

Chanel desilude cubanos

Tamanho do texto Aa Aa

O luxo chegou a Havana. A Chanel trouxe à capital de Cuba a supermodelo Gisele Bundchen e os atores Vin Diesel e Tilda Swinton para compor um desfile

O luxo chegou a Havana. A Chanel trouxe à capital de Cuba a supermodelo Gisele Bundchen e os atores Vin Diesel e Tilda Swinton para compor um desfile que poderia ter ficado na memória dos cubanos.

Os residentes da capital foram impedidos de assistir ao desfile, a menos que tivessem uma varanda com vista para a passerelle. Uma situação que deixou muitos cubanos descontentes.

“A decisão de convidar um número limitado de pessoas, das embaixadas e estrangeiros, é completamente ridícula. Se decidem dar um espetáculo de moda em Cuba, façam-no para os cubanos que têm fome de eventos destes” – lançou Liliana Suarez, uma residente de Havana, em jeito de apelo.

O desfile inédito da Chanel realizou-se no Paseo del Prado, uma das artérias mais emblemáticas de Havana. O responsável criativo da casa Chanel, Karl Lagerfeld, afirmou que a coleção de meia-estação Cruise foi inspirada na “riqueza cultural e na abertura de Cuba”. Mas raros serão os cubanos que poderão um dia vestir o fruto de tanta inspiração. Os produtos de luxo da Chanel não são vendidos em Cuba, onde o salário médio mensal ronda os 25 dólares.