Última hora

Em leitura:

EURO2016: Adeptos ingleses condenados depois de tumultos em Marselha

mundo

EURO2016: Adeptos ingleses condenados depois de tumultos em Marselha

Publicidade

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Dois adeptos ingleses, Alexander Booth e Ian Hepworth, foram, esta segunda-feira, condenados a dois e três meses de prisão ficando, ainda, proibidos de retornarem a França nos próximos dois anos.

Os ingleses foram presentes a tribunal, depois dos confrontos no sábado em Marselha, durante o Europeu de Futebol que se realiza em França.

O pai de Alexander Booth, que foi condenado a 2 meses, manifestou-se contra o julgamento.

“É uma brincadeira, é patético! Qual é a frase para justiça francesa? Não faz sentido nenhum. Nenhum… Vemos mais justiça em julgamentos na praça pública”, afirma Chris Booth.

Booth confessou ter atirado um copo de plástico e insultado um polícia.

A advogada dos dois britânicos, Marion Dutard, argumenta que a justiça francesa pretende fazer deles um exemplo.

“Penso que querem que este seja um veredicto exemplar e querem enviar uma mensagem. Estamos no início do Euro por isso, talvez seja para desencorajar este tipo de comportamento, para dissuadir eventuais apoiantes a portarem-se mal nos próximos jogos. Para enviar uma mensagem a todos os adeptos que são potencialmente violentos”, afirma Dutard.

Esta segunda-feira foram a julgamento mais quatro adeptos ingleses, um austríaco e três franceses.

Nos tumultos de sábado, que resultaram em 35 feridos, quatro em estado grave, estiveram também envolvidos pelo menos 150 adeptos russos.

Nenhum foi detido pelas autoridades francesas.

ALL VIEWS

Clique para descobrir

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte