Última hora

Em leitura:

EUA: Regras de segurança "esquizofrénicas" da Convenção Republicana

mundo

EUA: Regras de segurança "esquizofrénicas" da Convenção Republicana

Publicidade

As autoridades de Cleveland divulgara uma lista de objetos que não podem ser levados para dentro do recinto onde decorre nos próximos quatro dias a Convenção do Partido Republicano.
Nessa lista estão incluídos: – pistolas de água – drones – chapéus de chuva com varetas de metal – focos – cadeados – sacos-cama – escadotes – bolas de tenís – espadas

A Convenção Republicana é classificada como um Evento Nacional com Segurança Especial (National Special Security Event- NSSE), ou seja, os serviços secretos e outros agentes federais vão estar responsáveis pelas medidas de segurança. As inaugurações presidenciais, os discursos do Estado da Nação ou o Super Bowl também são classificados como NSEE.

{{{LEI DAS ARMAS NO OHIO}}}
O evento vai decorrer em Cleveland, no Ohio, um Estado conservador , liderado por John Kasich, onde a lei das armas é muito alargada e abrangente:
-não é necessária licença para ter uma carabina, espingarda ou arma pequena; – as carabinas, espingardas ou armas pequenas não precisam de registo; – as carabinas, espingardas ou armas pequenas não precisam de licença; – é permitido andar permanentemente com uma dessas armas:

{{{PONTOS DE VISTA}}} – O presidente do sindicato dos polícias de Cleveland, requereu um estado de emergência temporário para suspender a lei do porte de arma temporariamente. Mas o pedido foi negado pelo governador republicano John Kasich, com a justificação de que não tem autoridade para o fazer. Stephen Loomis apelou então aos cidadãos para deixar as armas em casa. “Não me interessam os precedentes legais, acredito que os líderes devem proteger os polícias”, lembrou Stephen Loomis.

- O líder do grupo “Black Panthers”, uma organização que pretender manifestar-se em Cleveland, diz que os seus membros vão ter as armas consigo, tal como permite a lei. Hashim Nzinga, líder dos “New Black Panther Party” garante: “se estamos num Estado de livre porte de arma, vamos exercer os nossos direitos da segunda amenda. Estamos a receber ameaças de outros grupos”.

- Bill Morris, um polícia de 50 anos e apoiante de Trump, normalmente está de acordo com o livre porte de arma, mas considera que este é um daqueles casos em que não devia ser permitido. “Como polícia sou a favor da “Segunda Amenda” e ao direto de usar armas mas em situações como esta não vejo qual o interesse de andar com uma”.

- Steve Thacker, um antigo Marine de 57 anos e ativista a favor do uso de armas, passeou-se em Cleveland com uma AR-15 ao ombro, com uma série de munições no casaco e uma arma pequena à cinta. Garante que nunca teve problemas de segurança mas pede aos Republicaso que “usem o bom senso” e deixem as armas em casa durante a convenção.

Existe uma petição a circular na internet para que seja permitido entrar com armas dentro da Quicken Loans Arena, onde vai decorrer a Convenção. Já foi assinada por mais de 56 mil pessoas.

{{{MAPA DO RECINTO DA CONVENÇÃO}}}
Mapa do recinto do evento onde é explicado quais os locais onde se pode andar com armas.

Lista completa de objetos proíbidos

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte