Última hora

Em leitura:

Mesmo sem a União Europeia os escoceses querem ficar no Reino Unido

mundo

Mesmo sem a União Europeia os escoceses querem ficar no Reino Unido

Publicidade

Uma sondagem, publicada este sábado, pela britânica YouGov, diz que a maioria dos escoceses quer permanecer no Reino Unido, mesmo depois de os britânicos terem votado pela saída da União Europeia. Uma decisão que, nas urnas, foi rejeitada pela maioria na Escócia, 62 contra 38 por cento.

Na altura do referendo, e depois de conhecida a decisão, a Primeira-ministra escocesa, Nicola Sturgeon, tinha dito que a independência da Escócia voltava a estar em cima da mesa. Segundo esta sondagem 53 por cento dos escoceses, contra 47 por cento, não concorda.

À pergunta se preferiam permanecer na UE e deixar o Reino Unido, 46 ​​por cento dos 1.006 entrevistados disseram que queriam ficar no Reino Unido, 37 por cento preferia a independência e manter-se no bloco europeu.

Em 2014 os escoceses rejeitaram, em referendo, a independência, 55 contra 45 por cento. Desde então o Partido Nacional Escocês de Sturgeon tem ganho força, tendo conquistado 56 dos 59 lugares da Escócia no Parlamento britânico nas eleições de 2015.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte