Última hora

Trump revela dados sobre exames médicos em conhecido programa de televisão

O candidato Republicano às presidenciais de novembro, Donald Trump, mostrou a Dr. Oz os resultados dos seus exames médicos.

Em leitura:

Trump revela dados sobre exames médicos em conhecido programa de televisão

Tamanho do texto Aa Aa

Com Ludes Duro Pereira e Reuters

allviews Created with Sketch. Point of view

"Sinto-me tão bem hoje como quando tinha 30 anos."

Donald J. Trump Candidato Republicano às presidenciais dos EUA

Tal como a rival Democrata, Hillary Clinton, também o candidato do Partido Republicano às presidenciais dos EUA, Donald J. Trump, deu a conhecer um relatório acerca do seu estado de saúde, escolhendo, para a ocasião, um conhecido programa de televisão nos Estados Unidos.

Tanto Trump como Hillary sofreram pressões nos últimos dias, no sentido de divulgarem relatórios que atestassem a sua boa saúde e consequente capacidade para desempenharem o papel de chefe de Estado.


Uma pressão que fica a dever-se ao recente episódio da cerimónia dos 15 anos dos atentados de 11 de setembro de 2001, quando Hillary Clinton se viu obrigada a abandonar o evento devido a uma indisposição. Posteriormente, foi revelado que Clinton contraíra uma forma não-contagiosa de pneumonia.

A campanha da candidata Democrata deu a conhecer uma carta médica oficial de duas páginas, publicada no site da rádio pública nacional dos Estados Unidos, a NPR ,documento onde são dadas garantias de que Clinton se encontra apta para ocupar o cargo ao qual se candidata.

Donald Trump preferiu divulgar os relatórios sobre o seu estado de saúde de forma mais espetacular e fê-lo durante um encontro com o médico turco-americano e estrela de televisão Dr. Oz.


O episódio do Dr. Oz Show, gravado na cidade de Nova Iorque e a ser transmitido esta quinta-feira, foi, segundo a direção da campanha de Trump, uma oportunidade para conversar um pouco sobre o estado geral do candidato conservador, assim como sobre o historial médico da sua família.

No tom mais informal possível, Trump retirou de um dos bolsos, durante a conversa com o médico, documentos com os resultados dos mais recentes exames médicos aos quais se submeteu.

Os exames seriam da responsabilidade de Harold Bornstein, médico de longa data de Trump.

Segundo os responsáveis pela campanha do candidato Republicano, Dr. Oz teve a oportunidade de analisar o estado geral do candidato, incluido o sistema nervoso, o sistema prostatico e o sistema cardiovascular.

Esperam-se, no entanto, mais detalhes sobre os resultados de referidos exames que, até ao momento, permanecem desconhecidos do grande público, ao contrário do que acontece com os dados relativos aos exames levados a cabo pela candidata Democrata, Hillary Clinton.