Última hora

Última hora

Volkswagen e antigo CEO da empresa em novo processo judicial nos EUA

O escândalo das emissões poluentes denunciado há quase ano e meio está na base de uma queixa de investidores na fabricante alemã aceite por um tribunal da Califórnia

Em leitura:

Volkswagen e antigo CEO da empresa em novo processo judicial nos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

A Volkswagen e o antigo diretor-geral (CEO) da fabricante alemã, Martin Winterkorn, deverão ter de se sentar no banco dos réus nos Estados Unidos ainda por causa da manipulação das emissões poluentes dos carros a gasóleo, denunciada há quase ano e meio.

Um tribunal da Califórnia decidiu dar seguimento à queixa apresentada por um grupo de investidores norte-americanos, na maioria fundos municipais de pensões, que investiram na Volkswagen.

Os investidores alegam ter pago um valor inflacionado face ao real valor da empresa com base nas verdadeiras emissões poluentes dos carros comercializados pela fabricante no mercado americano.