Última hora

Em leitura:

Martin McGuinness: Artífice da paz na Irlanda do Norte falece aos 66 anos


Reino Unido

Martin McGuinness: Artífice da paz na Irlanda do Norte falece aos 66 anos

O ex-vice-primeiro-ministro do governo paritário da Irlanda do Norte faleceu esta terça-feira aos 66 anos de idade, dois meses após abandonar o executivo.

Ex-comandante do Exército Republicano Irlandês, IRA, Martin McGuinness foi uma figura chave do processo de paz com o grupo separatista, do primeiro cessar-fogo em 1994, aos acordos de sexta-feira santa de 1998, que puseram fim a 29 anos de conflito separatista no território.

Gerry Adams, presidente do partido republicano Sinn Fein, confirmou esta manhã a morte da figura histórica da formação: “era um republicano apaixonado que trabalhou sem descanso pela paz, a reconciliação e a reunificação do seu país”.

McGuinness tinha abandonado o governo paritário a 9 de janeiro, em protesto contra o plano energético do anterior executivo. Uma saída de cena, justificada, dias depois, com o agravar do seu estado de saúde na sequência de uma doença genética.

A saída de cena do político e ex-paramilitar tinha levado o seu partido, Sinn Feinn, a tornar-se a formação mais votada do território, após as recentes eleições antecipadas.

A primeira-ministra britânica, Theresa May, saudou esta manhã, “a contribuição histórica”, de McGuinness, “na extraordinária viagem da irlanda do Norte do conflito à paz”. May sublinhou ainda que, “sem aceitar o caminho que empreendeu durante uma parte da sua vida, McGuinness desempenhou um papel decisivo ao conduzir o movimento republicano para longe da violência”.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Coreia do Sul

Ex-presidente da Coreia do Sul ouvida pela procuradoria de Seul