Última hora

Última hora

Brasileiros protestam contra reformas de Michel Temer

Em leitura:

Brasileiros protestam contra reformas de Michel Temer

Brasileiros protestam contra reformas de Michel Temer
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas saíram às ruas, em várias cidades do Brasil, na sexta-feira, em protesto contra as reformas defendidas pelo presidente Michel Temer.

As manifestações foram organizadas por centrais sindicais e vários movimentos sociais, que protestam contra as reformas do sistema de pensões e contra a flexibilização da legislação laboral.

“O objetivo, hoje, é barrar todas essas reformas, tanto a da terceirização, que foi aprovada recentemente na Câmara dos Deputados, quanto a possível reforma da previdência social, que vai transformar o cidadão e a cidadã brasileiros, que hoje já trabalham e os que ainda vão trabalhar, em potenciais escravos”, afirma Gabriel Monate, assistente social.

Para as centrais sindicais, os protestos desta sexta-feira constituem um ensaio para a greve geral, marcada para 28 de abril.

Os protestos surgem numa altura em que a popularidade de Michel Temer está em queda. Segundo uma sondagem do Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), realizada para a Confederação da Indústria brasileira, apenas 31% dos cidadãos pensam que o trabalho do Executivo é aceitável, contra 55% que consideram ser mau ou péssimo.

Apenas 10% dizem que o trabalho do Governo é bom ou excelente.