Última hora

Em leitura:

Brasileiros protestam contra reformas de Michel Temer


Brasil

Brasileiros protestam contra reformas de Michel Temer

Milhares de pessoas saíram às ruas, em várias cidades do Brasil, na sexta-feira, em protesto contra as reformas defendidas pelo presidente Michel Temer.

As manifestações foram organizadas por centrais sindicais e vários movimentos sociais, que protestam contra as reformas do sistema de pensões e contra a flexibilização da legislação laboral.

“O objetivo, hoje, é barrar todas essas reformas, tanto a da terceirização, que foi aprovada recentemente na Câmara dos Deputados, quanto a possível reforma da previdência social, que vai transformar o cidadão e a cidadã brasileiros, que hoje já trabalham e os que ainda vão trabalhar, em potenciais escravos”, afirma Gabriel Monate, assistente social.

Para as centrais sindicais, os protestos desta sexta-feira constituem um ensaio para a greve geral, marcada para 28 de abril.

Os protestos surgem numa altura em que a popularidade de Michel Temer está em queda. Segundo uma sondagem do Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), realizada para a Confederação da Indústria brasileira, apenas 31% dos cidadãos pensam que o trabalho do Executivo é aceitável, contra 55% que consideram ser mau ou péssimo.

Apenas 10% dizem que o trabalho do Governo é bom ou excelente.

Venezuela: Presidente pede a ST que reveja decisão que esvazia os poderes do Parlamento

Venezuela

Venezuela: Presidente pede a ST que reveja decisão que esvazia os poderes do Parlamento