Última hora

Em leitura:

Procuradoria sueca abandona processo contra Assange


Suécia

Procuradoria sueca abandona processo contra Assange

Com agência LUSA

Julian Assange pode, em breve, ser um homem livre. A procuradoria da Suécia pediu o fecho do processo por violação contra o fundador do Wikileaks.

“A procuradora Marianne Ny decidiu não dar seguimento ao inquérito”, disse a procuradoria num comunicado.

A decisão vai ser explicada numa conferência de imprensa em Estocolmo ainda hoje.

É é uma vitória para o australiano de 45 anos, que sempre negou as acusações feitas em agosto de 2010 por uma mulher sueca.

Assange está refugiado na embaixada do Equador em Londres desde 2012 para escapar ao mandado de detenção europeu emitido pela Suécia. Diz que se trata de uma manobra para conseguir a extradição para os Estados Unidos, onde pode ser processado pela publicação de documentos militares e diplomáticos confidenciais.

EUA

Condutor de Times Square acusado de homicídio