Última hora

Em leitura:

Melhorar as relações entre Israel e a UE


Hungria

Melhorar as relações entre Israel e a UE

O primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu e o homólogo húngaro Viktor
Orbán apelam a uma melhoria nas relações entre Israel e a União Europeia.
Os dois líderes acreditam que as relações devem ser reavaliadas já que Israel foi criticado em Bruxelas, mesmo tendo um papel estabilizador no Médio Oriente – que beneficiou a Europa.

Para Benjamin Netanyahu: “Israel é a única democracia no Médio Oriente – o único farol da tolerância numa zona muito vasta. Diz que é o único local onde os cristãos estão seguros e a comunidade cristã em Israel não apenas sobrevive, mas prospera e cresce”.

Orbán fala de uma melhoria nas relações em termos de segurança e tecnologia, numa altura marcada pelas ameaças terroristas e pela migração. Segundo Orbán: “A União Europeia devia apreciar os esforços que o Estado de Israel está a fazer pela estabilidade da região. Que não se trata apenas de um interesse israelita, mas também europeu – porque nos protegem de novas de invasões de migrantes”.

Os primeiros ministros da Polónia, República Checa e Eslováquia também participaram na reunião com Netanyahu e também defendem o estreitar de relações entre Israel e Bruxelas.
Benjamin Netanyahu que está de visita à Hungria à procura de parceiros europeus.