Última hora

A cartomante falhou: Pilar não é filha de Dali, segundo o ADN

Pilar Abel poderá vir a pagar a totalidade dos custos do processo por ela iniciado. Em 2009, processou o escritor Javier Cercas, acusando-o de se inspirar na sua vida para uma história. E perdeu.

Em leitura:

A cartomante falhou: Pilar não é filha de Dali, segundo o ADN

Tamanho do texto Aa Aa

Foi aberta a tumba do pintor catalão Salvador Dali para comprovar a veracidade da história da cartomante Pilar Abel, de 61 anos.

Uma verdade que não existe, se forem tidos em conta os testes do ADN do pintor surrealista, comparados com o da cartomente.

Segundo a Fundação Gala-Salvador, os testes provam que Pilar não é a filha biológica de Dali, o que põe fim a “uma polémica absurda e artificial”.

A taróloga, natural da localidade de Figueres, província de Girona, insistiu em que era filha do artista e que seria fruto de uma breve ligação entre a sua mãe, que na altura seria empregada doméstica, e o pintor.

Uma história surreal com um desfecho que a cartomante não previu

Mas os críticos de Pilar falam numa história sem pés nem cabeça e, sobretudo, cheia de lacunas. A protagonista insistia em que tudo lhe tinha sido contado pela mãe e uma das avós, quando era criança.




No passado dia 20 de julho, foram analisadas partículas dos ossos, pêlos e unhas do cadáver de Salvador Dali no Instituto de Toxicologia de Madrid e depois comparadas com o ADN de Pilar Abel. A iniciativa tinha sido definida pela Fundação como inadequada e disproporcional.

A Justiça espanhola deverá ter em conta os resultados do teste de ADN antes de tomar uma decisão. Se Pilar Abel for reconhecida como filha de Salvador Dali, poderia reclamar até um quarto do seu património, atualmente nas mãos do Estado.

Decisão final nas mãos da Justiça espanhola

No entanto, se os tribunais deciderem que Pilar não tem direito a reclamar-se filha de Dali, a taróloga terá de pagar os custos do processo. A Fundação, por outro lado, reservou-se o direito de dar início a procedimentos judicais contra Abel.

O pintor surrealista catalão Salvador Dali nunca teve filhos e diz-se em Figueres que tinha aversão a relações sexuais, pelo que a ligação com Gala, a sua companheira, morta em 1982, seria “diferente”, segundo os media espanhóis.

Pilar Abel chegou a dizer que era exatamente como o seu alegado pai e que só lhe faltava o bigode.

Em todo o caso, esta surreal exumação permitiu saber que o bigode de Dali continua intacto, ao contrário da credibilidade da taróloga.

Em 2009, Pilar Abel levou a tribunal o escritor Javier Cercas. Alegava, na altura, ter servido de inspiração para a personagem de um livro do escritor. Pedia 700 mil euros de indemnização mas não perdeu o processo.

Com EFE e AFP