Última hora

Última hora

Extradição de Cesare Battisti pode estar para breve

Battisti foi detido na cidade fronteiriça de Corumbá, quando se preparava alegadamente para fugir para a Bolívia.

Em leitura:

Extradição de Cesare Battisti pode estar para breve

Tamanho do texto Aa Aa

O governo brasileiro estará a preparar a extradição de Cesare Battisti, um ativista italiano de extrema-esquerda condenado por homicídio no seu país natal. A informação foi avançada pelo jornal O Globo.

Battisti foi detido, na passada quarta-feira, na cidade fronteiriça de Corumbá, quando se preparava alegadamente para fugir para a Bolívia, face aos rumores de que Brasília ia retirar-lhe o asilo concedido durante a presidência de Lula da Silva.

Há muito que Roma solicitava a entrega deste homem, condenado por quatro assassinatos nos anos 70, quando integrava um grupo radical chamado Proletários Armados para o Comunismo. Battisti viria a evadir-se da prisão em 1981. Fugiu para França e, em seguida, para o Brasil.

O governo de Michel Temer pretendia garantir junto de Itália uma redução da pena para 30 anos em vez de prisão perpétua.