Última hora

Última hora

Chauka: um retrato dos requerentes de asilo esquecidos

Em leitura:

Chauka: um retrato dos requerentes de asilo esquecidos

Chauka: um retrato dos requerentes de asilo esquecidos
Tamanho do texto Aa Aa

Estas imagens foram captadas com um telemóvel no interior do centro de detenção na ilha de Manus, localizado na Papuásia-Nova Guiné um dos locais para onde, juntamente com o da ilha do Pacífico de Nauru, são enviados os requerentes de asilo que tentam chegar por via marítima à Austrália.

A situação dos que aqui chegam inspirou o realizador de Chauka, um documentário apresentado no London Film Festival.

“Queríamos fazê-lo de forma poética, dar espaço à audiência para pensar, se assim não fosse não haveria espaço para pensar sobre o filme” refere o realizador iraniano Arash Kamali Sarvestani.

“Estamos habituados a títulos informativos, habituados a ouvir esse tipo de noticias todos os dias, mas o impacto de algo que está tão perto e a experiência da pessoa que está a filmar faz com que seja mais rico e muito mais impactante“acrescenta Clare Stewart do London Filme Festival. Uma obra que convida o espetador a refletir sobre centenas de pessoas abandonadas à própria sorte.

Mais sobre cinema