Última hora

Última hora

Tweet de Donald Trump gera tensão com Theresa May

Em leitura:

Tweet de Donald Trump gera tensão com Theresa May

Tamanho do texto Aa Aa

As publicações de Donald Trump, no Twitter, podem colocar em risco as relações diplomáticas entre os Estados Unidos da América e um dos mais importantes aliados, o Reino Unido.

O presidente norte-americano enviou, publicamente, um recado a Theresa May para que se foque no combate ao terrorismo islâmico radical e não em si.

O tweet, pouco usual entre chefes de Estado, foi publicado depois de a primeira-ministra britânica o ter criticado.

"O facto de trabalharmos juntos não significa que tenhamos medo de falar quando acreditamos que os Estados Unidos estão errados e de sermos bem claros com eles. Sou muito clara: aquela publicação da 'Britain First' foi errada", afirmou Theresa May.

A partilha de três vídeos que tinham sido publicados pela vice-presidente do grupo radical "Britain First", mereceu ainda, as críticas de vários políticos britânicos.

O ministro das Comunidades, Sajid Javid, condenou o facto de o presidente norte-americano ter endossado uma organização racista que odeia pessoas como ele.

Quem se manifestou, também, contra a partilha de Donald Trump foi Brendan Cox, o viúvo da ex-deputada do Partido Trabalhista Jo Cox, assassinada em 2016 por um homem que, segundo alguns testemunhos, terá gritado "Britain First".

O ministro britânico dos Negócios Estrangeiros sublinhou que os valores do grupo radical não estão em linha com os do país. Boris Johnson afirma, ainda, que o Reino Unido tem orgulho da sua história de tolerância.

Quem aplaudiu as ações de Trump, foi a própria vice-presidente do "Britain First", Jayden Fransen.