Última hora

Última hora

Virgin testa nave supersónica três anos e meio depois de acidente mortal

Em leitura:

Virgin testa nave supersónica três anos e meio depois de acidente mortal

Virgin testa nave supersónica três anos e meio depois de acidente mortal
Tamanho do texto Aa Aa

A empresa de turismo espacial do multimilionário Richard Branson, a Virgin Galactic, realizou esta quinta-feira com sucesso o primeiro teste de voo supersónico com a nave SpaceShipTwo VSS Unity sobre as montanhas de Sierra Nevada, na Califórnia.

Largada de um avião de transporte a 14.000 metros de altitude, a nave acelerou depois progressivamente até uma velocidade de Mach 1.87 - quase duas vezes a velocidade do som - e alcançou uma altitude de 25.000 metros antes de voltar, sem contratempos, a solo firme.

O teste bem sucedido surge depois de vários voos de ensaio e, sobretudo, três anos e meio depois do acidente mortal com uma versão anterior da SpaceShipTwo.

No fim de outubro de 2014, num incidente que acabaria por ser atribuído a um erro de pilotagem, o aparelho despenhou-se sobre o deserto de Mojave, custando a vida ao copiloto e deixando o piloto gravemente ferido.