Última hora

Última hora

Rússia veta resolução dos EUA

Em leitura:

Rússia veta resolução dos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia vetou a resolução dos EUA sobre a reposta das Nações Unidas ao alegado ataque com armas químicas em Douma, na Síria. Os norte-americanos propunham uma investigação independente ao alegado ataque na Síria, durante o segundo dia consecutivo de debate sobre o incidente no Conselho de Segurança da ONU.

A resolução dos EUA, uma das três apresentadas, recebeu 12 votos dos 15 possíveis mas a Rússia, que apoia o regime de Bashar al-Assad, e que é uma das cinco nações com poder de veto, não a deixou passar. O documento previa a criação de um novo mecanismo que investigasse e atribuísse responsabilidades pelo uso de armas químicas na Síria. Os norte-americanos condenavam ainda o alegado ataque do passado fim de semana em Duma. Apenas a China se absteve. A Bolívia votou com a Rússia.

Moscovo apresentou as suas próprias resoluções, duas investigações separadas, que incluem a participação de profissionais russos e exigindo "um inquérito" a ser realizado por peritos da Organização para a Proibição de Armas Químicas.