Última hora

Última hora

Speed: Rosberg dá "toque" de gigante rumo ao título

Em leitura:

Speed: Rosberg dá "toque" de gigante rumo ao título

Tamanho do texto Aa Aa

A luta entre os dois pilotos da Mercedes pelo título mundial de Fórmula 1 está a ferro e fogo mas foi Daniel Ricciardo quem subiu ao lugar mais alto do pódio em Spa-Francorchamps.

O australiano até pode ter festejado o terceiro triunfo da temporada no Grande Prémio da Bélgica mas o grande vencedor foi o segundo classificado Nico Rosberg.

Logo à segunda volta o alemão não conseguiu evitar um toque em Lewis Hamilton quando procurava ultrapassar o companheiro de equipa. Uma manobra que deixou a Mercedes à beira de um ataque de nervos e promete fazer correr rios de tinta nas próximas semanas.

Rosberg foi obrigado a passar pelas boxes, é certo, mas pior sorte teve o inglês que furou e caiu para a cauda do pelotão. Longe dos pontos, o inglês abandonou a cinco voltas do fim.

Já Rosberg foi subindo pouco a pouco na geral e terminou na segunda posição.

Valtteri Bottas completou o pódio enquanto Fernando Alonso voltou a estar longe do seu melhor e não foi além do sétimo posto.

Rosberg tem agora 29 pontos de vantagem sobre Hamilton. Ricciardo continua longe da liderança mas ainda pode sonhar. Afinal de contas venceu as duas últimas corridas.

Nos construtores, o título está praticamente entregue à Mercedes.

Grande Prémio da Bélgica
1. Daniel Ricciardo – Red Bull Racing-Renault 1:24:36.55625
2. Nico Rosberg – Mercedes +3.3 ‘’
3. Valtteri Bottas – Williams-Mercedes +28.0 ‘’
4. Kimi Räikkönen – Ferrari +36.8 ‘’
5. Sebastian Vettel – Red Bull Racing-Renault +52.1 ‘’
6. Jenson Button – McLaren-Mercedes +54.5 ‘’
7. Fernando Alonso – Ferrari +61.1 ‘’
8. Sergio Perez – Force India-Mercedes +64.2 ‘’
9. Daniil Kvyat – STR-Renault +65.3 ‘’
10. Nico Hulkenberg – Force India-Mercedes +65.6 ‘’

Mundial de pilotos
1. Nico Rosberg – Mercedes 220 pontos
2. Lewis Hamilton – Mercedes 191
3. Daniel Ricciardo – Red Bull Racing-Renault 156
4. Fernando Alonso – Ferrari 121
5. Valtteri Bottas – Williams-Mercedes 110

Mundial de constructores
1. Mercedes 411 pontos
2. Red Bull Racing-Renault 254
3. Ferrari 160
4. Williams-Mercedes 150
5. McLaren-Mercedes 105