Última hora

Última hora

Italianas sequestradas na Síria regressam a Roma

Ao nascer do sol, Greta Ramelli de 20 anos e Vanessa Marzullo de 21, aterraram no aeroporto de Ciampino de Roma. As duas trabalhadoras italianas

Em leitura:

Italianas sequestradas na Síria regressam a Roma

Tamanho do texto Aa Aa

Ao nascer do sol, Greta Ramelli de 20 anos e Vanessa Marzullo de 21, aterraram no aeroporto de Ciampino de Roma.

As duas trabalhadoras italianas, naturais da Lombardia, estavam sequestradas na Síria desde o dia 31 de julho.

Foram recebidas no aeroporto pelo ministro italiano dos negócios estrangeiros Paolo Gentiloni que afirmou que a libertação das duas jovens foi o resultado de intenso trabalho.

Mas com base em contas ‘jihadistas’ nas redes sociais, alguns média estrangeiros afirmam que foi pago um avultado resgate.

No último dia do ano, Greta e Ramelli apareceram num vídeo do ‘youtube’ a pedir ao governo italiano para as resgatar.

O vídeo tinha o título: a Frente Al-Nursa (al-Qaida da síria) detém duas italianas por causa da participação de Roma na coligação internacional de combate ao Grupo Estado islâmico na Síria.