Última hora

Última hora

Ucrânia a caminho da guerra total caso falhe acordo em Minsk

“O que pode parar a escalada do conflito em Donbas? Diplomacia ou armas? Os líderes ocidentais vão tomar a decisão final, após as conversações em

Em leitura:

Ucrânia a caminho da guerra total caso falhe acordo em Minsk

Tamanho do texto Aa Aa

“O que pode parar a escalada do conflito em Donbas? Diplomacia ou armas? Os líderes ocidentais vão tomar a decisão final, após as conversações em Minsk, amanhã, 11 de fevereiro. Enquanto isso Kiev insiste que precisa de armamento defensivo. Na quarta-feira o Parlamento da Ucrânia deverá formalizar o pedido ao Congresso dos EUA para gilizar a ajuda militar “.

As forças do governo ucraniano e as milícias pró Rússia queimam as últimas horas de uma oportunidade de paz antes de, talvez, de uma guerra total.

Oleh Voloshyn, especialista em política estrangeira comenta:

“Na melhor das hipóteses os ucranianos esperam que as baixas que possam ser infligidas ao exército russo levem Putin a parar a agressão. A solução militar é uma opção apenas para a Rússia “.

Em Kiev o momento é de angústia e expectativa. A população acende velas em memória dos soldados caídos na frente enquanto aguarda uma decisão.

“Acho que temos de lutar e para isso precisamos de pedir ajuda militar. É assim que a terceira guerra mundial pode começar “.

“Precisamos de armas. Os países ocidentais devem ajudar-nos. É um conflito que também lhes diz respeito. Se os separatistas levam a melhor isso afetará os outros países também. “

As forças do governo ucraniano e as milícias pró Rússia queimam as últimas horas de uma oportunidade de paz antes de, talvez, de uma guerra total.

A poucas horas de mais uma ronda negocial as esperanças de um acordo de paz são fracas. Os separatistas afirmam ter recuperado centenas de quilómetros quadrados desde o início deste ano e avisam que os seus negociadores não darão em Minsk “nem um passo atrás”.