Última hora

Última hora

FIFA pepara-se para mais um mandato de Blatter

Apesar de toda a contestação, só muito dificilmente Joseph Blatter perde a reeleição para a presidência da FIFA.

Em leitura:

FIFA pepara-se para mais um mandato de Blatter

Tamanho do texto Aa Aa

No meio da tempestade causada pelo escândalo de corrupção e pela detenção de vários dirigentes, a FIFA vai a votos e o resultado é previsível: A reeleição de Joseph Blatter para um novo mandato. Só que o suíço, presidente da instituição desde 1998, deve desta vez ser eleito sobretudo com os votos das federações de África e da Ásia.

Point of view

"O presidente da FIFA percebeu que os ocidentais já não contam."


As federações europeias, reunidas na UEFA, vão votar no príncipe Ali da Jordânia. Mesmo se as hipóteses de vencer são poucas, é a primeira vez que Blatter tem concorrência digna desse nome. Vários presidentes, como o da federação holandesa, pedem o fim da era Blatter: “Já era dessa opinião no ano passado em São Paulo. Estive com ele, no gabinete dele, no dia 9 de janeiro, para o convencer a sair e ele não quis”, disse Michael van Praag.

Nas redes sociais, a pressão aumenta para que Blatter se demita. O Financial Times diz que o presidente da FIFA percebeu que os ocidentais já não contam:

O jogo de vídeo “FIFA” foi alvo de várias interpretações humorísticas:

Alguma imprensa, sobretudo certos tablóides, como aqui o suíço Blick, fizeram também do fim da era Blatter um cavalo de batalha:

Cada vez mais, o suíço é visto como a personificação de tudo o que se passa de errado no mundo do futebol.