Última hora

Última hora

Bruxelas: Manifestantes pró-curdos protestam contra rutura de processo de paz

Em leitura:

Bruxelas: Manifestantes pró-curdos protestam contra rutura de processo de paz

Bruxelas: Manifestantes pró-curdos protestam contra rutura de processo de paz
Tamanho do texto Aa Aa

Em dia de reunião da NATO, vários manifestantes pró-curdos fizeram-se notar na capital belga. Munidos de bandeiras com a face do líder histórico do Partido dos Trabalhadores do Curdistão, Abdullah Öcalan, afirmaram que não se deixarão intimidar por massacres e agressões.

“Apelamos à NATO para não aceitar as exigências da Turquia, porque é o nosso povo que está debaixo de fogo. Não é o Estado Turco, é o nosso povo”, sublinhou Zübeyir Aydar, do Congresso Nacional do Curdistão.

Debaixo de chuva, os manifestantes lembraram que as ações da Turquia colocam em causa do frágil processo de paz, podendo precipitar a guerra.

No outono de 2012, o regime do presidente Recep Tayyip Erdogan encetou o processo de paz, com vista a por cobro a uma rebelião que provocou 40 mil mortos desde 1984.