Última hora

Última hora

Canadá nega ter recebido pedido de asilo dos pais de Aylan

A tia da criança síria, morta juntamente com a mãe e o irmão, diz que a foto do sobrinho representa a mudança para um mundo melhor.

Em leitura:

Canadá nega ter recebido pedido de asilo dos pais de Aylan

Tamanho do texto Aa Aa

É na casa da tia Tima Kurdi na localidade de Coquitlam (província da Colúmbia Britânica), no Canadá, que o pequeno Aylan deveria estar a dormir. Acabou afogado no Mediterrâneo e transformado num ícone à escala global.

Point of view

O meu irmão tem muito orgulho neles (filhos que morreram afogados), porque o mundo vai mudar para melhor

Um irmão e a mãe morreram também afogados.

Tima lembra os sobrinhos, que tentou trazer para o Canadá: “O meu irmão tem muito orgulho neles, porque o mundo vai mudar para melhor. Os refugiados como eu vão ter mais esperança”, disse.

Em Toronto, centenas de pessoas juntaram-se para pedir mais ação por parte do governo do Canadá, que entretanto prometeu receber mais refugiados. Negou, entretanto, que tenha recebido um pedido de asilo por parte de Abdullah, o irmão de Tina e pai do pequeno Aylan. Diz que recebeu apenas um pedido, incompleto, por parte de Mohamed, outro dos irmãos de Tima.