Última hora
This content is not available in your region

Canadá nega ter recebido pedido de asilo dos pais de Aylan

Canadá nega ter recebido pedido de asilo dos pais de Aylan
Tamanho do texto Aa Aa

É na casa da tia Tima Kurdi na localidade de Coquitlam (província da Colúmbia Britânica), no Canadá, que o pequeno Aylan deveria estar a dormir. Acabou afogado no Mediterrâneo e transformado num ícone à escala global.

O meu irmão tem muito orgulho neles (filhos que morreram afogados), porque o mundo vai mudar para melhor

Um irmão e a mãe morreram também afogados.

Tima lembra os sobrinhos, que tentou trazer para o Canadá: “O meu irmão tem muito orgulho neles, porque o mundo vai mudar para melhor. Os refugiados como eu vão ter mais esperança”, disse.

Em Toronto, centenas de pessoas juntaram-se para pedir mais ação por parte do governo do Canadá, que entretanto prometeu receber mais refugiados. Negou, entretanto, que tenha recebido um pedido de asilo por parte de Abdullah, o irmão de Tina e pai do pequeno Aylan. Diz que recebeu apenas um pedido, incompleto, por parte de Mohamed, outro dos irmãos de Tima.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.