Última hora

Última hora

Milhares no funeral do advogado turco Tahir Elçi

Em leitura:

Milhares no funeral do advogado turco Tahir Elçi

Milhares no funeral do advogado turco Tahir Elçi
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas acompanharam, este domingo, o funeral do advogado turco Tahir Elçi em Diyarbakir, onde foi morto no sábado, durante um tiroteio.

Membros da associação de advogados de Diyarbakir, à qual presidia Tahir Elçi, sublinharam que a sua luta pelos direitos humanos não será esquecida:

“Permaneceremos fiéis ao seu legado. O seu combate e a causa que defendia não acabaram. Digo isso como defensor dos direitos humanos, seu colega de trabalho e seu amigo. Vamos continuar nos passos dele”, disse Erdal Aydemir.

Entre os familares de Elçi, encontravam-se a mulher e a filha.

Na cerimónia esteve igualmente presente o líder do Partido Democrático do Povo, pró-curdo, Selahattin Demirtas, que no passado domingo foi vítima de uma tentativa de assassinato. O Partido Democrático do Povo considera que a morte de Elçin foi um “assassínio planeado”.

Segundo o ministro do Interior, Edkan Alan, tratou-se de um ataque contra a polícia, e que Tahir Elçi foi atingido na cabeça por uma bala perdida.

Entretanto o primeiro-ministro Ahmet Davutoglu informou este domingo que a arma encontrada junto do corpo do advogado é a mesma que foi usada para atacar os agentes da polícia e prometeu que os responsáveis serão encontrados.