Última hora

Em leitura:

Cessar-fogo pouco respeitado na Síria


Síria

Cessar-fogo pouco respeitado na Síria

A trégua nos combates na Síria não chegou a durar dois dias…e a guerra das palavras parece não ter sido interrompida.
O exército russo este domingo revelou que já foram registadas nove violações do cessar das hostilidades.
De qualquer forma, o coordenador do gabinete russo para as questões sírias garante que em grande parte do território a trégua está a ser cumprida.

Mas nesta lista de incidentes não estão os raides aéreos que ocorreram durante a madrugada e manhã deste domingo em Aleppo. O ataque foi denunciado pelo Observatório Sírio para os Direitos Humanos e pela oposição ao regime de Assad, que fala ainda 15 violações ao cessar-fogo.
Também a Arábia Saudita acusa a Rússia e o governo de Damasco de não ter respeitado a trégua.

E nas trocas de acusações, as autoridades russas garantem que a Turquia deixou passar através da fronteira, nas últimas horas, 100 combatentes para a Síria. Combatentes que cercaram a cidade de Tel Abyad que está sob controlo das forças curdo-sírias. Ancara nega ter tido qualquer intervenção nesta ação.

O presidente turco Erdogan, este domigo, declarou que o cessar fogo teve uma “adesão parcial, apenas foi implementado num terço do território”.

Na guerra da informação, existe uma discrepância nos números russos e americanos. O Kremlin garante que recebeu declarações de cessar-fogo de 17 grupos armados da oposição moderada. Já a Casa Branca entregou uma lista com o nome de 69 grupos que aceitaram as tréguas.
Também um líderes da oposição síria afirma que pediu aos Estados Unidos informação a monitorização do cessar das hostilidades, mas garante que ainda não chegou qualquer resposta.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Óscares "tão brancos" são conhecidos esta noite