Última hora

Em leitura:

Senado brasileiro debate afastamento de Dilma

mundo

Senado brasileiro debate afastamento de Dilma

Publicidade

Depois de todos os volte-faces dos últimos dias, com o presidente do Senado Renan Calheiros a forçar a discussão e o líder da Câmara dos Deputados Waldir Maranhão a dar o dito por não dito, o Senado brasileiro começou a discutir se Dilma Rousseff deve, ou não, deixar a cadeira presidencial: “A questão que se coloca é uma só: Existem indícios de cometimento de crime de responsabilidade pela Sra. Presidente da Republica no ano de 2015 que justifiquem a abertura de processo com o seu consequente afastamento?”, Disse Calheiros na abertura do debate.

Segundo todas as previsões, esta discussão no Senado deve ter como resultado o afastamento de Dilma Rousseff, acusada de maquilhagens fiscais nas contas do país.

Apelidado como um “golpe” por parte dos defensores de Dilma, este processo de afastamento teve como mentor Eduardo Cunha, entretanto afastado da presidência da Câmara dos Deputados, acusado de corrupção.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte