Última hora

Em leitura:

Brexit: Acordos de imigração entre a França e o Reino Unido em risco

mundo

Brexit: Acordos de imigração entre a França e o Reino Unido em risco

Publicidade

Com o voto dos britânicos para a saída do país da União Europeia, a questão dos migrantes e nomeadamente dos milhares concentrados na chamada “Selva de Calais” está, mais do que nunca, na ordem do dia.

Um assunto em discussão entre o ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve e a sua homóloga britânica, Amber Rudd, esta terça-feira, em Paris.

A “Selva de Calais”, onde cerca de nove mil pessoas que querem passar para o Reino Unido se encontram retidas, era já tema de discussões entre Londres e Paris antes do Brexit. Numa conferência de imprensa conjunta com David Cameron, François Holande tinha avisado: “Haverá consequências se o Reino Unido deixar a União Europeia. Haverá consequências em muitos domínios, incluindo na questão destas pessoas”.

Após o encerramento do campo de acolhimento de Sangatte, em 2002, criado na sequência de um forte fluxo migratório vindo do Kosovo três anos antes, algumas centenas de migrantes erravam nos arredores do porto de Calais, mas o fluxo migratório de África e do Médio Oriente e a tensão e violência entre os migrantes de diversas origens, fez com que, em 2014, Bernad Cazeneuve tivesse autorizado a criação de um novo centro de acolhimento para gerir os fluxos de pessoas.

Tanto os migrantes de Sangatte como agora os de Calais têm como objetivo passar para o Reino Unido. Ora, o controlo da fronteira passou para o lado francês em 2003 através do Tratado de Touquet, assinado com o Reino Unido por Nicolas Sarkozy, então ministro do Interior.

O tratado prevê também que os controlos de entrada em França sejam feitos do lado britânico, mas o que ninguém previu foi esta avalancha de gente a querer chegar ao Reino Unido. Resultado, de vários quadrantes políticos em França pôe-se agora em causa o tratado e os acordos bilaterais em matéria de migração. O presidente da região, Xavier Bertrand, mas também o ministro da Economia, Emmanuel Macron, pedem o retorno do controlo a Douvres, do outro lado da Mancha.

O assunto promete ser um dos temas fortes da campanha para as presidênciais de 2017 e agita já o debate às primárias do Partido Os Republicanos, tendo sido trazido por Nicolas Sarkozy

Entre os migrantes dos campos de Calais, há cerca de 900 menores isolados. Os acordos prevêm que os menores possam passar a fronteira se os pais estiverem no Reino Unido, mas os processos arrastam-se.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte