Última hora

Em leitura:

Tóquio em alerta para as ogivas nucleares de Pyongyang

mundo

Tóquio em alerta para as ogivas nucleares de Pyongyang

Publicidade

O Japão reagiu ao quinto teste nuclear de Pyongyang, com um alerta para o que considera ser uma grave ameaça para a segurança do país.

Para o ministro da Defesa, Tomomi Inada, o regime comunista, “prossegue os esforços para fabricar ogivas nucleares”.

Em Tóquio, onde as baterias anti-aéreas protegem vários edifícios oficiais, os habitantes não escondem os receios:

“É assustador. Como cidadão japonês quero que o governo tome todas as medidas necessárias contra a Coreia do Norte”.

“Eu não acredito que a Coreia do Norte consiga aperfeiçoar o seu programa nuclear, o assustador é que tenham um acidente e que o Japão sofra as consequências”.

Apesar do forte terramoto provocado pela aparente explosão subterrânea, as autoridades de Tóquio afirmam não ter registado quaisquer sinais de radiação nuclear, após o teste norte-coreano.

Japão, Coreia do Sul e EUA convocaram um reunião de emergência, esta sexta-feira, do Conselho de Segurança da ONU para discutir o novo teste nuclear, após a aprovação recente de novas sanções contra o país.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte