Boris Johnson na Arábia Saudita depois de declaração polémica sobre o país

Access to the comments Comentários
De  Nara Madeira
Boris Johnson na Arábia Saudita depois de declaração polémica sobre o país

<p>Boris Johnson encontrou-se, na Arábia Saudita, com o Rei Salman e outros representantes do país. </p> <blockquote class="twitter-tweet" data-lang="pt"><p lang="en" dir="ltr">Delighted to meet HM King Salman whose father met Churchill. Discussed the enduring alliance between the UK and <a href="https://twitter.com/hashtag/SaudiArabia?src=hash">#SaudiArabia</a>. <a href="https://t.co/PnROBs7KmB">pic.twitter.com/PnROBs7KmB</a></p>— Boris Johnson (@BorisJohnson) <a href="https://twitter.com/BorisJohnson/status/807984476491919360">11 de dezembro de 2016</a></blockquote> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script> <p>Uma visita que não teria nada de extraordinário se, no início do mês, os meios de comunicação sociais britânicos não tivessem divulgado uma declaração em que o ministro dos Negócios Estrangeiros britânico acusava a Arábia Saudita e o Irão de fomentarem guerras por procuração. </p> <p>Uma página que parece virada, para Johnson: </p> <p>“Estou aqui para enfatizar a amizade que existe, e se está a expandir e desenvolver, entre o Reino Unido e a Arábia Saudita e também é justo dizer que acreditamos na sinceridade do nosso relacionamento”, afirmou Johnson. </p> <p>O homólogo saudita de Johnson parece ter também relevado as declarações: </p> <p>“A Grã-Bretanha e a Arábia Saudita desfrutaram de uma longa relação histórica, estratégica, que dura há mais de cem anos. Não temos dúvidas sobre o seu posicionamento”, adiantou Adel al-Jubeir. </p> <p>Foi em Roma que o grande defensor do Brexit afirmou que sauditas e iranianos se movem, num jogo de marionetas, uma guerra de poderes, uma tragédia para quem assiste. </p> <p>Na altura, a primeira-ministra britânica fez questão de se demarcar das afirmações de Johnson. </p> <p>Agora, o ministro da Defesa britânico vem dizer que os comentários foram retirados do contexto e mal interpretados pelos meios de comunicação.</p>