Última hora

Em leitura:

Continua a caça ao homem na Alemanha


Alemanha

Continua a caça ao homem na Alemanha

Na Alemanha continua a caça ao homem. Anis Amri é, muito provavelmente, o autor do atentado em Berlim, de acordo com as autoridades alemãs, tendo em consideração as provas recolhidas no camião com que o ataque foi realizado.

Para o ministro alemão do Interior “é crucial que a caça ao homem seja concluída tão depressa quanto possível”.

Thomas de Maizière explicava, em conferência de imprensa, que “foram encontradas impressões digitais na cabina” e que “há outras indicações adicionais que sugerem” que Amri, o tunisino que solicitou asilo à Alemanha mas que foi rejeitado, é o responsável pelo ataque.

A procuradoria federal alemã emitiu um mandado de detenção europeu contra Amri, que tinha estado já sob vigilância por parte das autoridades alemãs.

Angela Merkel reconhecia, esta quinta-feira, a dureza de enfrentar o primeiro ataque “jihadista” na Alemanha, apesar do executivo saber que, “em teoria”, o seu país estava “na mira do terrorismo islâmico”.

O atentado de segunda-feira, num mercado de Natal, matou 12 pessoas e foi reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Com Lusa

Atentado em Berlim - Anis Amri tinha estado detido em Itália

mundo

Atentado em Berlim - Anis Amri tinha estado detido em Itália