Última hora

Última hora

Aramco investe 7 mil milhões de dólares na Malásia

A petrolífera saudita, Aramco, vai investir 7 mil milhões de dólares na Malásia.

Em leitura:

Aramco investe 7 mil milhões de dólares na Malásia

Tamanho do texto Aa Aa

A petrolífera saudita, Aramco, vai investir 7 mil milhões de dólares na Malásia. A Aramco, que em 2018 deverá vender 5% do capital na bolsa, torna-se assim o maior investidor individual do país asiático.

O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro da Malásia, Najib Razak, durante a visita do rei Salman ao país. É a primeira visita numa década e já permitiu a assinatura de acordos na área da saúde, educação, construção e indústria halal.

A Aramco vai aliar-se à homóloga malaia, a Petronas, para construir uma refinaria e um centro petroquímico em Johor, no sul do país. Mas a participação da Aramco chegou a estar em causa, devido a polémicas bilaterais.

A assinatura do acordo está marcada para esta terça-feira.

O projeto, avaliado em 27 mil milhões de dólares, deverá estar operacional no primeiro trimestre de 2019. Segundo algumas fontes, a petrolífera saudita irá fornecer 50% do crude que será refinado no complexo.

A capacidade da refinaria deverá atingir 300 mil barris diários. Enquanto a produção petroquímica ronda as 7,7 milhões de toneladas métricas.