Última hora

Em leitura:

Malásia liberta principal suspeito da morte do meio-irmão de Kim Jong-un


Coreia do Norte

Malásia liberta principal suspeito da morte do meio-irmão de Kim Jong-un

A Malásia expulsou esta noite o único norte-coreano detido na investigação ao assassínio do meio-irmão de Kim Jong-un.

O indivíduo foi libertado por falta de provas incriminatórias, apesar das fortes suspeitas da polícia sobre a sua implicação no crime.

As autoridades malaias emitiram, entretanto, um mandado de captura internacional contra um dos sete norte-coreanos que abandonaram o país no mesmo dia do assassínio.

A polícia voltou a pedir a Pyongyang que colabore na investigação e que autorize a audição de um diplomata norte-coreano também apontado como um possível suspeito.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Turquia

Turquia: Erdogan irascível após anulação de comícios na Alemanha e Holanda