Última hora

Em leitura:

França: Detidos suspeitos de preparar "atentado iminente"


França

França: Detidos suspeitos de preparar "atentado iminente"

Hot Topic Saiba mais sobre Eleições presidenciais francesas 2017

Três quilos de explosivos, várias armas, sacos com munições e uma bandeira do autoproclamado Estado Islâmico.
Este material foi encontrado dentro de um apartamento em Marselha onde estavam os dois indivíduos agora detidos pelas autoridades francesas. Os suspeitos, de 22 e 29 anos, já eram conhecidos das autoridades e estariam a preparar um atentado terrorista que deveria ocorrer nos próximos dias.

O procurador francês Francois Molins explicou que “Mahiedine M e Clement B, ambos de nacionalidade francesa, ambos conhecidos dos serviços secretos desde 2015 e 2016 por se terem radicalizado, conheceram-se na prisão onde partilharam a cela durante dois meses em 2015. Estavam presos por delitos comuns”.

Este atentado que estaria a ser preparado ganha outra importância tendo em conta que em França, no próximo fim-de-semana decorre a primeira volta das eleições presidênciais.
O governo francês já fez saber que para este escrutínio está a ser preparado um dispositivo de segurança com mais de 50.000 polícias, apoiados pelos militares da operação Sentinela. Os 67 mil locais de voto vão ser alvo de uma atenção especial.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Turquia

Oposição turca pede formalmente a anulação do referendo