Última hora

Última hora

Venezuela: Oposição acusa denuncia prisões arbitrárias

Leopoldo Lopez, um dos líderes da oposição que exige a demissão do presidente venezuelano Nicolas Maduro, está bem de saúde.

Em leitura:

Venezuela: Oposição acusa denuncia prisões arbitrárias

Tamanho do texto Aa Aa

Leopoldo Lopez, um dos líderes da oposição que exige a demissão do presidente venezuelano Nicolas Maduro, está bem de saúde.

Quem o confirmou foi a mulher, Lilian Tintori, que conseguiu estar com o marido, pela primeira vez em 35 dias.

A visita ocorreu depois de a família de Lopez ter duvidado da veracidade do vídeo divulgado pelas autoridades de Caracas, como prova de vida do ativista.

Este domingo foi mais um dia de manifestações e protestos contra Nicolas Maduro.

A encabeçar a marcha, o líder da oposição, Henrique Capriles acusou o Governo de levar a cabo centenas de detenções arbitrárias.

“É muito grave. São tribunais constituídos em lugares militares para julgar civis e 40 dessas 780 pessoas já foram enviadas para a prisão”, acusa Capriles.

Centenas de pessoas saíram às ruas, de Caracas, muitas com instrumentos musicais, em protesto contra o escalar da violência que se vive na Venezuela, que desde 1 de abril fez 37 mortos e mais de sete centenas de feridos.