Última hora

Coreia do Sul e EUA em exercícios militares conjuntos

A Coreia do Sul e os Estados Unidos iniciaram exercícios militares conjuntos. Pyongyang ameaça com retaliação, Seul garante que as manobras são apenas defensivas

Em leitura:

Coreia do Sul e EUA em exercícios militares conjuntos

Tamanho do texto Aa Aa

A Coreia do Sul e os Estados Unidos iniciaram esta segunda-feira exercícios militares conjuntos, informou o exército sul-coreano.

Pyongyang já reagiu, avisando que estas manobras militares vêm agravar as tensões na região e são uma repetição provocativa da invasão do território norte-coreano e ameaçando, como todos os anos, com uma retaliação militar.

Em resposta, o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, sublinhou que se trata de manobras puramente defensivas:

“O objetivo destes exercícios militares é verificar as capacidades defensivas de nossos civis, governo e forças armadas, para garantir a vida e a segurança do nosso povo. É um exercício anual de natureza defensiva e não há nenhuma intenção de aumentar as tensões militares em na península coreana “.

Os movimentos pacifistas sul-coreanos organizaram manifestações de protesto diante do gabinete da Presidência. Confrontado à retórica bélica entre Washington e Pyongyang, o presidente sul-coreano avisou recentemente que os Estados Unidos não devem avançar com nenhuma operação militar na península coreana sem o consentimento de Seul.