Última hora

Judo: Or Sasson regressa e conquista ouro em Tashkent

No último dia do Grande Prémio do Judo de Tashkent, o "homem do dia" foi o israelita Or Sasson.

Em leitura:

Judo: Or Sasson regressa e conquista ouro em Tashkent

Tamanho do texto Aa Aa

Na sua primeira competição desde que conquistou o bronze nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, Sasson arrecadou o ouro, em +100Kg, frente a Krakovetskii, do Quirguistão, com um soberbo sodo tsurikomi goshi. Marcou waza-ari e deixou Krakovetskii sem tempo para voltar a entrar na prova. Um ótimo resultado para Sasson, após as lesões o terem obrigado a estar afastado durante mais de um ano. A vitória permitiu que Israel terminasse no topo dos medalhados em Tashkent.

Or Sasson: “Sinto-me ótimo. É a primeira competição desde os Jogos Olímpicos. Foi muito difícil, depois dos Jogos lesionei-me no joelho enquanto jogava basquete. Eu queria lutar, sentia falta dessa sensação. Estou feliz por fazê-lo aqui, em Tashkent, com uma atmosfera incrível e pessoas incríveis. Estou feliz pelo meu país. Quero continuar a fazer isto para o resto da vida.”

Anastasiya Turchyn enfrentou Beata Pacut na final -78kg. Turchyn continua a evidenciar uma boa forma. Após 1 minuto de “ponto dourado” conseguiu Waza-ari e terminou a competição conquistando a primeira medalha de ouro para a Ucrânia. Após a medalha de ouro em Tbilissi, Anastasiya Turchin, que foi a “mulher do dia”, soma a sua segunda medalha de ouro num Grande Prémio durante este ano.

Ustopiriyon, do Tajiquistão, ganhou o ouro em -90kg quando o seu adversário Dilshod Choriev foi penalizado após dez minutos e meio de “ponto dourado”.

Ruslan Chagaev, bicampeão mundial de boxe, entregou à eslovena Velensek a medalha de ouro em + 78kg. Mas Anzhela Gasparian foi a judoca em destaque na categoria ao arrecadar o bronze. A russa realizou um uchi mata fantástico para ganhar o seu lugar no pódio.

Ramadan Darwish, do Egito, e o russo Niyaz Ilyasov lutaram pelo ouro em -100kg. O veterano egípcio venceu o recém-chegado com um uchi mata para waza-ari.
O Campeão de Tashkent em 2014 voltou a estar no topo do pódio no Uzbequistão. A sua primeira medalha de ouro no circuito mundial de judo em mais de dois anos.

O judoca local Bekmurod Oltiboev derrotou o seu compatriota Mukhsin Khisomiddinov na luta pela medalha de bronze em +100Kg. A “melhor técnica do dia” foi realizada por Oltiboev. Uma manobra que deu o bronze ao judoca e a última medalha do Uzbequistão no Grande Prémio.