Última hora

Última hora

Explosão em Nova Iorque é tentativa de ataque terrorista

Em leitura:

Explosão em Nova Iorque é tentativa de ataque terrorista

Explosão em Nova Iorque é tentativa de ataque terrorista
Tamanho do texto Aa Aa

Um engenho explosivo deflagrou ao início da manhã, em plena hora de ponta em Nova Iorque, início da tarde em Lisboa. O incidente ocorreu num dos túneis que ligam o edifício da Autoridade Portuária, a maior estação de autocarros dos Estados Unidos, e a rede de metro. A polícia de Nova Iorque já deteve o suspeito. A explosão provocou, segundo a polícia, quatro feridos, um deles será o detido, todos eles sem gravidade.

O presidente da câmara de Nova Iorque já disse tratar-se de uma tentativa de ataque terrorista:

"Esta foi uma tentativa de ataque terrorista. Graças a Deus, o suspeito não atingiu o seu objetivo final, graças a Deus, a nossa resposta foi rápida, resolvemos rapidamente a situação de forma a garantir a segurança das pessoas", explicou Bill de Blasio. 

O suspeito é um homem de 27 anos, identificado como Akayed Ullah, habitante do bairro do Brooklyn, e que tinha amarrado ao corpo, com velcro, "um dispositivo explosivo rudimentar", que provavelmente explodiu prematuramente. Informação avançada pelo chefe da polícia local.

Um alto funcionário da polícia adiantava que o indivíduo detido é originário do Bangladeche e encontrando-se a residir nos Estados Unidos há sete anos.

Um correspondente da televisão estatal israelita publicou, na sua conta de Twitter, uma foto que diz ser do suspeito a ser detido pela polícia.

O Presidente dos EUA foi já informado sobre o sucedido, o presidente da câmara de Nova Iorque, Bill De Blasio, também.

O autor do atentado teria agido em nome do grupo extremista Estado Islâmico.