Última hora
This content is not available in your region

Músicos do Dubai regressam aos palcos após confinamento

euronews_icons_loading
Músicos do Dubai regressam aos palcos após confinamento
Direitos de autor  euronews   -   Credit: Dubai
Tamanho do texto Aa Aa

Depois de meses de confinamento e distanciamento físico, os músicos do Dubai regressaram aos palcos.

A cantora Layla Kardan dá concertos no Dubai há mais de uma década e estava habituada a subir aos palcos todas as semanas. A pandemia de Covid 19 foi um choque para todos os atores da indústria do entretenimento.

“Foi muito difícil não poder subir ao palco durante seis meses, para alguém como eu que tocava quatro ou cinco vezes por semana. Foi um enorme choque para toda a gente. Sinto que as pessoas esperam há meses pelo regresso dos espetáculos e vêm aos concertos com o coração aberto e prontas para desfrutar", afirmou a cantora.

Uma oportunidade para criar novos projetos

Apesar das dificuldades, muitos músicos viveram o confinamento como uma oportunidade para explorar novas formas de criar e partilhar a música.

“Acho que a colaboração foi uma das coisas mais interessantes do confinamento para muitos músicos. No meu caso, houve uma cantora de Itália que me mandou uma mensagem a perguntar se queríamos cantar uma música com ela? Era uma cantora de ópera. A colaboração foi super interessante. Depois, procurei pessoas da cena musical aqui no Dubai. Toda a gente estava entusiasmada com a ideia. Queriam colaborar e fazer coisas. Toda a gente estava ansiosa por poder tocar novamente", considerou Khan, um dos músicos do Dubai entrevistados pela euronews.

euronews
O confinamento esteve na origem de vários projetos de colaboração entre músicoseuronews

Pessoas tomam consciência da importância da cultura

O confinamento terá levado muitas pessoas a tomarem consciência da importância da música e da cultura na vida das cidades.

“Acho que o que define uma cidade é o facto de haver um mercado vibrante para os músicos, para eles poderem trabalhar juntos e colaborar. Muito do que faz e do que define a cena musical de uma cidade são as salas pequenas e os artistas locais que podem tocar nesses lugares. É isso que ajuda a criar uma cena musical", afirmou John Legend.

Depois do confinamento e do distanciamento físico, as salas pequenas têm atraído o público no Dubai.

“O que eu gosto é tocar para as pessoas, sejam elas vinte ou duas mil. Para mim, o mais importante é conseguir fazer o que gosto e posso fazê-lo num lugar como Dubai”, concluiu Khan.