Tyra Banks decide expandir negócio de gelados nos Emirados Árabes Unidos

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Tyra Banks decide expandir negócio de gelados nos Emirados Árabes Unidos
Direitos de autor  euronews   -   Credit: Dubai

A supermodelo e produtora que se tornou empreendedora, Tyra Banks, lançou o primeiro ponto de expansão global para sua empresa de gelados "Smize and Dream" nos Emirados Árabes Unidos. Disse à Euronews: “o gabinete de investimentos deu-no realmente um grande impulso ao apoiar ao dizer que estavam a apoiar pessoas de cor, mulheres e que queriam trazê-las para os Emirados Árabes Unidos e para mostrarem ao mundo que podem expandir os seus negócios aqui.”

Banks tornou-se um nome familiar graças ao sucesso em programas como America's Next Top Model e The Tyra Banks. Enfatiza a importância de apoiar outras mulheres nos negócios, dizendo: “é importante apontar as câmeras em nós, para mostrar a outras mulheres que estão a ver que também podem fazer o mesmo. Somos nós os inovadores, mas é preciso estratégia, marketing e todas as outras coisas necessárias para ter sucesso nos negócios.”

Diz que é preciso fazer uma análise do mercado, olhar para tudo, ficar obcecado e pesquisar loucamente. Tenho esta característica em que me concentro e não consigo sair. Entro na investigação e não consigo sair. Por isso digo “estudar e ficar obcecado”. E depois ninguém pode dizer que não sabemos o que estamos a fazer.
Tyra Banks

Conhecida por quebrar barreiras, Tyra foi a primeira mulher afro-americana a aparecer nas capas da GQ e da Sports Illustrated Swimsuit Issue. Trabalha nas indústrias criativas desde os 15 anos e atribui o crédito à mãe pela sua sólida ética de trabalho e capacidade de sobreviver na indústria.

A minha mãe costumava dizer-me que eu sou um produto. Isto foi antes de ser um empresária. Quando era um talento, quando era modelo. E dizia: "És um produto e como é que vais comercializar esse produto? Há que compreender, os produtos podem ficar estragados. As pessoas podem deixar de querer comprar esse produto. Não o querem em casa. Não querem. E então, como é que nos posemos constantemente diferenciar, renovar, refrescar? Tudo isso... Portanto, foi uma forma muito saudável para que quando eu conseguisse lidar com situações, para quando não me escolhessem para “isto ou para aquilo”, todos aqueles "nãos"; ela explicava-me que as pessoas “estão a dizer não ao produto” e não ao meu bebé. Lembra-te disso”. E penso que isso me ajudou a permanecer sã e a não enlouquecer no louco mundo do entretenimento.

Como conselho, diz que é "preciso fazer uma análise do mercado, olhar para tudo, ficar obcecado e pesquisar loucamente. Tenho esta característica em que me concentro e não consigo sair. Entro na investigação e não consigo sair. Por isso digo “estudar e ficar obcecado”. E depois ninguém pode dizer que não sabemos o que estamos a fazer".