Última hora

Última hora

Varoufakis demite-se se o "sim" vencer

As palavras são do próprio ministro grego das Finanças, que admite também uma demissão do governo.

Em leitura:

Varoufakis demite-se se o "sim" vencer

Tamanho do texto Aa Aa

Ou o “não” ganha o referendo grego, ou Yanis Varoufakis demite-se.

Quem o diz é o próprio ministro das Finanças da Grécia, numa entrevista à Bloomberg. Antes, Varoufakis tinha dado uma longa entrevista à rádio nacional australiana, onde admite a possibilidade de uma demissão do governo no caso de uma vitória do “sim”.

Varoufakis diz que se houvesse uma possibilidade, mesmo que remota, de as propostas dos credores poderem funcionar e ajudar a Grécia a sair da crise, o governo tê-las-ia aceitado.

As sondagens dão agora um empate técnico entre o “não” e o “sim”. A aceitação das propostas dos credores ganhou força desde o encerramento dos bancos. Depois de uma corrida aos levantamentos, os balcões mantêm-se fechados, exceto alguns dias, apenas para os pensionistas, já que muitos deles não têm cartão multibanco. Os levantamentos estão limitados a 60 euros por dia.