Última hora

Última hora

Navios da NATO na Turquia: "Visita" ou aviso a Putin?

Os habitantes de Istambul descobriram uma nova paisagem no Bósforo, com a chegada de três navios da NATO, incluindo um português.

Em leitura:

Navios da NATO na Turquia: "Visita" ou aviso a Putin?

Tamanho do texto Aa Aa

Três navios da NATO, incluindo um português, já estão no Bósforo, na Turquia. Mesmo se se trata de uma operação de rotina da Aliança Atlântica, esta visita dos três navios está a ser percebida pelos habitantes de Istambul como um reforço da defesa do país, com a ameaça de uma retaliação a pairar, depois do abate de um avião russo por parte dos turcos.

“Não sei que tipo de equipamento traz a NATO, mas estamos à espera de uma retaliação pelo abate do avião. Eles vão fazer alguma coisa, é por isso que aqui estão”, diz um habitante de Istambul.

“Somos membros da NATO. Qualquer ataque contra nós é um ataque contra a NATO. Esta ajuda é precisa”, diz outro cidadão

Além destes três navios – um português (NRP D. Francisco de Almeida), um espanhol e um canadiano, A NATO quer aumentar a defesa da Turquia no Mediterrâneo Oriental com mais navios e reforçar a presença de aviões e mísseis Patriot em território turco, uma missão agora assegurada pela Espanha.

“O Bósforo, principal passagem da logística russa para a Síria, tem agora navios da NATO, que vieram numa visita de rotina. Para os cidadãos de Istambul, esta visita é um sinal de solidariedade da NATO contra a Rússia”, conclui o correspondente da euronews em Istambul, Bora Bayraktar.